bahia

A Bahia sofrerá intensamente.

O Estado da Bahia será atingido pro incríveis eventos geológicos. Ocorrerá uma inversão magnética dos pólos da Terra e isso provocará um terremoto global. Praticamente todos os países do planeta serão atingidos por eles. Esse evento se dará em um mês de dezembro, em uma sexta feira. O ano Ela não informou e as catástrofes durarão 15 dias. Será conhecido como o dezembro da dor. Esse terremoto trincará a crosta terrestre em vários lugares e provocará o surgimento de diversos vulcões. E as consequencias principais no Brasil serão terremotos em várias cidades do país e surgirá um vulcão no litoral da Bahia na terra de São Sebastião. A única forma de nos proteger, tanto fisicamente como espiritualmente, é a oração a Nossa Senhora. Estejam preparados.

As profecias são as seguintes:
[…] A terra de São Sebastião será sacudida. Um gigante se levantará e trará sofrimento para muitos[…] 

[…] em uma região da Terra de Santa Cruz, que no passado elevou muitos homens empobreceu a muitos, por causa de um fruto famoso, acontecerá uma grande catástrofe que chamara a atenção do mundo. Não se sentirá mais o cheiro daquele fruto[…]

[…] Rezai também e de modo especial pela vossa nação. Vós não podeis imaginar quantos sofrimentos virão para vós! Sabei que das águas profundas do oceano que banha o vosso brasil virá aquele que trará sofrimento e dor[…]

[..] Um fato assombroso se dará em Rijeka[Croácia] e se repetirá em Salvador[…]

[…] Um fato doloroso se dará na Bahia[…]

[…] De uma região da Bahia se levantará um gigante adormecido que trará muitos sofrimentos para muitos[..]

[…]  sofrimentos viverão os habitantes de Feira de Santana.

[…] sofrimentos viverão os habitantes de Porto Seguro[…]

[…] a vossa nação sofrerá por causa do gigante que se levantará do fundo do mar[…]

[…] lágrimas de sofrimentos e gritos de desespero: eis o que os homens verão na Bahia[…]

[…] um fogo devastador se levantará e os habitantes do Chile carregarão pesada cruz. Igual acontecimento se dará na Bahia.

 

 

 

Fernando Frascari

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *